Ansiedade de separação



A ansiedade de separação é uma situação vivenciada por muitas crianças e adolescentes e acontece quando há o afastamento de uma figura afetiva com quem tenham um vínculo forte, normalmente representada por um dos pais ou responsáveis.


Essa ansiedade pode acontecer por uma predisposição biológica da criança para a ansiedade, potencializada por um ambiente estressante, mas também pode aparecer após um afastamento traumático, como uma internação hospitalar ou a separação dos pais.


Os sintomas apresentados por essas crianças/adolescentes são:

- Preocupações excessivas a respeito do afastamento;

- Pesadelos;

- Medos acentuados;

- Dores de cabeça;

- Dores de barriga;

- Vômitos (no momento do afastamento);

- Sofrimento intenso.


A manifestação da ansiedade de separação pode ser muito prejudicial para o desenvolvimento escolar e social da criança, já que há relutância em se afastar da figura afetiva para ir à escola, ir à casa de parentes e amigos ou dormir fora.


É importante ressaltar que, para a criança que está enfrentando esse tipo de ansiedade, o afastamento da figura afetiva tem potencial definitivo, significando que essa pessoa não retornará mais (o que gera muito medo).


A ansiedade de separação deve ser identificada por um profissional da saúde mental e deve ser acompanhada de perto por esse mesmo profissional.


A psicoterapia infantil oferece resultados muito bons no tratamento da ansiedade de separação e prepara a criança para o desenvolvimento de sua independência com segurança.

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo